Pássaro afinado!

No meio dos pinheiros e da serenidade da serra do Casal Vale Pereiro, em Leiria, há um pássaro que canta sempre bem afinadinho,  chama-se “O Canário”.  É um restaurante onde a comida típica portuguesa canta mais alto!
canario-1
Foto: Magazine Perguiça

A casa que acolhe o Canário é simples e despojada. Fica a meio de uma subida íngreme e é a única de que se avista luz da estrada. Tem um estacionamento que é, pelo menos, quatro vezes maior que o restaurante. Ali cabem alguns autocarros…

 As mesas são de madeira e confortáveis, convidando à conversa. O dono, senhor Joaquim, algo tímido ao primeiro embate, faz as honras da casa. Ali não há segredos. Os pratos são os de sempre e são seguros.
Nota-se que os ingredientes são confeccionados com simplicidade e sabedoria. Não é cozinha de fusão, nem de tendências modernas. É cozinha nossa, bem tradicional.

Destaco o bacalhau à brás, as migas de bacalhau, os grelhados mistos, as pataniscas. Depois há os pratos do dia, mais ao almoço: o arroz de pato, a mão de vaca, o cabrito e mais meia dúzia de sugestões.

canario-3
Foto: Magazine Preguiça
 Tudo é feito de forma simples, mas com sabor, muito sabor. Até uma simples salada mista vem no ponto.
 As batatas fritas, o arroz de feijão, as migas e as generosas fatias de pão são uma tentação para quem gosta de comer bem sem estar sempre a olhar para o preço da carta.
No Canário tudo é muito justo: da comida à bebida. Uma refeição para dois rondará os 20 euros, com sobremesa e vinho da casa, que é uma boa opção à garrafeira existente, que também apresenta boas sugestões, apesar de ser reduzida.
Nas sobremesas destaco a pêra bêbeda, mas há o doce da casa, o bolo de bolacha e mais algumas tentações.
Para ser perfeito só teria de mudar as luzes brancas, que arrefecem muito sala de refeição e desligar o grande televisor lá no alto da parede.
Como o ótimo é inimigo do bom, volto sempre com satisfação ao local onde sei que vou sair sempre feliz.
Restaurante O Canário
Rua do Aviário
Casal Vale Pereiro – Cortes – Leiria
Tel: 244 891 101
Preço médio: 10 euros por pessoa
Encerra ao jantar no domingo, segunda-feira
12h00-15h00 e 19h30-22h00
Texto de Roberto Ferreira
Boa vida, boas viagens!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *